Google+ Followers

segunda-feira, 10 de março de 2014

Pontos de Xangô

Meu pai São João Batista é Xangô
Ele é dono do meu destino até o fim
O día que me faltar a fé no meu señor
Derruba essa pedrera sobre mim
===========================================
Ô Gino olha a sua banda
Ô Gino olha o seu gongá
Aonde o rouxinol cantava
Na pedra onde Xangô morava
Ele Gino da cobra coral
Ele Gino da cobra coral
Ele Gino da cobra coral
Kaô
===========================================
Por de trás daquela serra
Tem uma linda cachoeira
(bis)
É onde mora o meu Pai Xangô
Que arrebentou sete pedreiras
===========================================
Pedra rolou pra Xangô
Lá nas pedreiras
Afirma o ponto meu pai
Na cachoeira
Pedra rolou pra Xangô
Lá nas pedreiras
Afirma o ponto meu pai
Na cachoeira
Tenho meu corpo fechado
Xangô é meu protetor
Afirma o ponto meu pai
Pai de cabeça é Xangô
Tenho meu corpo fechado
Xangô é meu protetor
Afirma o ponto meu pai
Pai de cabeça chegou
===========================================
Quem rola as pedras na pedreira é Xangô
Quem rola as pedras na pedreira é Xangô
Giro na coroa de Zambi
Giro na coroa de Zambi
Giro na coroa de Zambi
é Xangô
Giro na coroa de Zambi
Girooo
Giro mas saravá meu pai Xangô
Quem é quem vence as demandas ?
Quem é o dono das Pedras ?
é Xangô
===========================================
Xangô meu pai
deixa está pedreira aí
Xangô meu pai
deixa está pedreira aí
que umbanda tá lhe chamando
deixa está pedreira aí
que a umbanda tá lhe chamando
deixa está pedreira aí

Imagens

Samba dos Ancestrais

Se teu corpo se arrepiar Se sentires também o sangue ferver Se a cabeça viajar E mesmo assim estiveres num grande astral Se ao pisar o solo teu coração disparar Se entrares em transe em ser da religião Se comeres fungi, quisaca e mufete de cara-pau Se Luanda te encher de emoção Se o povo te impressionar demais É porque são de lá os teus ancestrais Pode crer no axé dos teus ancestrais
Música de: Martinho da Vila